top of page

Crise na Binance: CEO CZ enfrenta acusações e paga fiança milionária

22 de Novembro de 2023


Ontem, as autoridades do Departamento de Justiça dos Estados Unidos fizeram um anúncio público de grande relevância, envolvendo um acordo com a Binance, uma das maiores exchanges de criptomoedas do mundo. Segundo as informações divulgadas, Changpeng Zhao (CZ), CEO da Binance, teve que renunciar ao cargo e enfrentar uma condenação relacionada a violações das leis antilavagem de dinheiro e legislação de valores mobiliários dos Estados Unidos.


O pronunciamento oficial comunicou que o renomado CEO da Binance foi formalmente condenado por violar as leis antilavagem de dinheiro e a legislação de valores mobiliários dos Estados Unidos. As acusações destacaram que o ex-CEO da empresa tinha conhecimento de estar violando as regras de valores mobiliários dos Estados Unidos e não cumpriu os requisitos de proteção contra lavagem de dinheiro. As ações incluíam conspiração, sugerindo que a empresa estava envolvida ativamente em planos ilícitos ou atividades criminosas em colaboração com outras partes.


A violação das leis de valores mobiliários dos Estados Unidos e a falta de cumprimento dos requisitos legais de identificação de clientes, antilavagem de dinheiro e antiterrorismo levaram o governo dos Estados Unidos a afirmar que a Binance teria permitido que organizações como o ISIS, a Al Qaeda e o Hamas realizassem transações em sua plataforma.


Entretanto, o governo dos Estados Unidos propôs um acordo que foi aceito pela corretora Binance. Sob os termos do acordo, as acusações seriam retiradas, encerrando o processo criminal, mediante o pagamento de US$ 4,3 bilhões pela Binance. Além disso, Changpeng Zhao (CZ), CEO da Binance, renunciaria admitindo sua culpabilidade por violar as leis de combate à lavagem de dinheiro.


Posteriormente, o ex-CEO da Binance, Changpeng Zhao (CZ), foi condenado a 18 meses de prisão como parte do acordo judicial firmado com o governo dos Estados Unidos. No entanto, ele foi libertado da custódia mediante o pagamento de uma fiança no valor de US$ 175 milhões.


A notícia desencadeou pânico no mercado financeiro, resultando na desvalorização do Bitcoin, que chegou abaixo de 36.000, e uma significativa desvalorização do token da Binance. Uma onda de saques atingiu a corretora, com mais de 1 bilhão de dólares sendo retirados em questão de poucas horas após a divulgação das notícias. Após a confirmação de que o CEO pagou a fiança e o assunto pareceu estar resolvido, o pânico diminuiu, e o mercado voltou à normalidade.

3 views0 comments

Comments


bottom of page